domingo, 3 de setembro de 2017

Corzinha de verão

 
Vêm todos bronzeados, a corzinha a denotar o que já lá vai. Dizem que as férias foram boas, curtas, assim-assim. E eu ando confusa, incrédula perante os dias que teimam em ficar mais curtos, perante as resistências em regressar ao trabalho.

O cansaço já mal me deixa pensar, mas tenho a certeza absoluta de que o verão ainda está no início, que os dias longos ainda estão para chegar e que daqui a um mês ainda vou a tempo de seguir o conselho que um leitor me deu há uns dias: "A senhora directora está a precisar de ir à praia". Vá-se lá saber porquê...

Sem comentários:

Enviar um comentário

Estrela da manhã

Numa qualquer manhã, um qualquer ser, vindo de qualquer pai, acorda e vai. Vai. Como se cumprisse um dever. Nas incógnitas mãos tran...